As vezes..

Eu vou falar bem baixo, espero que ele não me ouça. Mas como ele me dói às vezes. E não é uma dor ruim, sofrida, é uma dor de felicidade extrema que eu achei que nunca iria viver. É uma dor que assusta de tão boa. É como a dor de fazer uma tatuagem, só que você sente aquela dor, aquela alegria e aquele prazer o tempo todo. Você se sente mais bonito porque é uma dor boa de sentir. Me dói essa vontade de querê-lo para sempre, logo. Esse medo de fazer tudo errado e estragar o que poder ser certo pra sempre. Esse medo de achar que o certo é o errado e estragar nosso futuro. Que medo eu sinto de que isso passe e a gente nem perceba.
Eu olho para você e tenho tanta, mas tanta alegria em saber que você existe.
Mesmo depois de tantos dias de brigas..

10 probleminha(as):

Natália disse...

Também olho pra ele e agradeço por ele existir *-* Beijo

Adriano Ferreira, CM disse...

tem coisas que é nelhor falar mais baixo mesmo. mas sentimento sempre deve ser dito. pq quando expressamos o que realmente sentimos, o mundo fica um pouco melhor
abraço

Gabriela disse...

concerteza Adriano, :D

Gabriela disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Raíla Guimarães disse...

ah, que lindo. amei a forma descontraída que escreve!
beijo.

mudandopordentro disse...

nossa lind's *-*
tbm me sinto assim ...
amei demais!

juliane-bastos disse...

Os melhores sentimentos temos que guardar só pra nós, ou falarmos baixinho, a inveja tem o sono leve :S

adorei aqui ;D
seguindo :D

Luria Corrêa . disse...

lindo Gabriela, mas sentimentos chegam mesmo, como uma dor que seja, para marcarem uma presença eterna em nós. Belas palavras e belo blog.

bejs :*

Gabriela disse...

obrigado meninas :D

Gabriela disse...
Este comentário foi removido pelo autor.